Primeira noite do Sigma-Múndi, da descontração à seriedade

18ª edição da simulação conta com presença de representante da ONU e outros convidados que mostraram a importância do projeto no ambiente escolar

Por: Duda Leão e Thiago Nathan

Palavras de convidados ganham a atenção dos delegados e diretores do evento

Na noite desta quinta-feira (9), as quadras do Sigma Sul foram ocupadas por alunos de diversas idades que se preparam para três dias de simulação. Foi com a presença de convidados especiais, grandes expectativas, cobertura ao vivo e show da banda Filhos da Rani que começaram os trabalhos da 18ª edição do Sigma-Múndi.

O Secretário de Comunicação do evento, Murilo Fagundes, apresentou os convidados que dirigiram as primeiras palavras no palco do Simga-Múndi aos estudantes. Com a palavra, Rodrigo Araújo, representante da Organização das Nações Unidas (ONU), reforça a importância de projetos de simulação de comitês no âmbito escolar e explica como isso pode influenciar o futuro acadêmico dos jovens delegados e pensadores.

“A minha expectativa é só de que seja o melhor Sigma-Múndi de todos, e eu espero que gere neles [nos delegados] uma marca muito positiva, uma satisfação de ter feito parte de algo grandioso”, afirma Paulo Macedo, professor de Geografia e diretor do projeto no Sigma.

No telão dois vídeos são apresentados: um sobre a trajetória da imprensa e outro sobre os cômites dentro do Sigma-Múndi, explicando o que é tratado e debatido em cada um. Assim, os alunos podem ter uma visão mais geral do evento e o que esperar dele, além de entenderem mais sobre a cobertura jornalística da simulação.

Durante o intervalo, os CEO’s botam a mão na massa ao vender lanches para todos. Divididos em três equipes, os vendedores do comitê utilizaram figurinos, decoraram suas lojas e convenceram o público com marketing e carisma. O colégio também ofereceu opções de lanches, inclusive veganos e vegetarianos.

Professores André Dantas (no baixo) e Paulo Macedo têm momento de descontração durante o show

O tão esperado show levou diretores, delegados e professores à frente do palco, unidos para cantar junto aos professores de Geografia da banda.

Quem não pode estar presente neste Sigma-Múndi acompanhou o evento em transmissão ao vivo, com direito a entrevistas com delegados e diretores da simulação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *